terça-feira, 31 de março de 2009

Charges do dia

Charge de Brum para O Jornal de Hoje (RN):



hahahaha...

--------------------

Charge de J. Bosco para o jornal O Liberal (PA), de 01/04/2009:



Como se não bastasse me excluirem das cotas raciais...
Ainda me responsabilizam pela crise mundial.
É, "táscroto" pra mim.

Macaco Simão Urgente!

Não parei de rir com com o Zé Simão, hoje:
----

BUEMBA! BUEMBA!
Macaco Simão Urgente! O esculhambador-geral da República! Direto do País da Piada Pronta!

Frase de para-choque de caminhão para a crise: Dinheiro não traz felicidade mas ACALMA OS NERVOS! Rarará! E um amigo meu disse que daria um ano de salário pra ver o Lula soletrando Luciano Huck. Ia ser mais engraçado que a Ângela Bismarchi soletrando maquiavélico.

E corre na internet o desabafo da dona da Daslu: `Essa prisão me deixou aloPrada. Deus me deFENDI. Não é Versace o que Diesel por aí. Sou uma pessoa Dolce e Bacana. Pucci que Paris! Tchau, Miu Miu pra vocês'. Desabafo com grife. Desabafo Vuitton! E diz que ela puxou as detentas pra rezar um terço: `Vou rezar um terço e o restante por fora!'.

E como foi o fim de semana? Foi todo mundo solto, a Selexotan do Dunga deu sono e o Rubinho Barriquebra voltou pro lugar dele: segundo. Correu dez anos pra voltar pro mesmo lugar?! Diz que ele vai até escrever um livro sobre suas experiências na F1! `Fórmula 1, SEGUNDO Rubinho!' E a Selexotan do Dunga? Como Dunga, a gente dorme mais que a Branca de Neve! E como disse o outro: pelada por pelada, eu prefiro a minha nega! O melhor do jogo foi o anúncio do campo do Equador: Banco Pichincha! Rarará!

E o programa do Lula e da Dilma RouCHEFE: `Minha casa! Minha vida'. Diz que foi baseado numa declaração do Sarney chegando ao Senado: `Minha casa, minha vida!'. Já tão chamando de `Minha Casa, minha Dívida'!

E a Xuxa no `Altas Horas': `Tenho orgasmos múltiplos e vejo duendes'. A Xuxa ainda tem orgasmos? E é com duendes? Uma amiga minha, quando tem orgasmos, vê duende, gnomo, saci e curupira.

E olha o bilhete que um amigo recebeu: você está incluído no programa preventivo de redução de despesas da empresa. Tucanaram o pé na bunda! É mole? É mole, mas sobe! Ou como diz aquele outro: é mole, mas rela pra ver o que acontece!

Antitucanês Reloaded, a Missão! Continuo com a minha heroica e mesopotâmica campanha Morte ao Tucanês. Acabo de receber mais um exemplo irado de antitucanês. É que no interior do Rio Grande do Sul tem uma cidade que é a cara da crise: BURRO MAGRO! Rarará! Mais direto, impossível. Viva o antitucanês. Viva o Brasil!
E atenção! Cartilha do Lula. Mais um verbete pro óbvio lulante. `Bajulatório': companheiro que bajula o chefe tanto no escritório como no mictório. Rarará! O lulês é mais fácil que o ingrêis.
Nóis sofre, mas nóis goza. Hoje só amanhã! Que eu vou pingar o meu colírio alucinógeno! E vai indo que eu não vou!

quinta-feira, 26 de março de 2009

Decisões judiciais importantes para jornalistas

Serão julgados no dia 1º de abril, no Supremo Tribunal Federal (STF) duas pautas muito importantes para o jornalismo no Brasil: o julgamento da ação do PDT que pede a revogação da Lei de Imprensa e da ação do Ministério Público Federal, que pede a extinção da obrigatoriedade do diploma de jornalistas.

De minha parte, sou a favor da revogação da Lei de Imprensa atual, datada de 1967 (!), para que haja a criação de uma nova, adequada ao Brasil de hoje, longe dos dispositivos inconstitucionais implantados na época da Ditadura Militar por interesse de uma classe. A imprensa tem que ter uma lei específica, democrática.
Quanto à extinção da obrigatoriedade do diploma de jornalista para exercer a função, sou contra. Eu faço faculdade de jornalismo pra quê? Larguei o curso de Direito pra fazer jornalismo pra quê? Pra vir um doido me desclassificar dizendo que everybody pode ser jornalista? Que, se o padeiro da esquina quiser, ele pode ser tão jornalista quanto eu que terei um diploma suado e caro? Nananinanão!
A única exceção que faço, nesse caso, é em relação aos que exercem a profissão de jornalista há mais tempo que a criação do curso acadêmico de jornalismo.

Vou torcer pra que minhas preferências tenham sucesso.

Um achado!

Remexendo em meu computador, achei um trabalho de faculdade bizarro.
Meu Deus (!!!), como pude?
jejeje...
Assistam à bizarrice:

video

Há um segundo tudo estava em paz

Eu não tenho medo da morte, só não quero que ela me tome de assalto e leve todos os meus planos e sonhos de forma banal e inesperada.
A morte só me assusta quando percebo que a vida é muito frágil e, às vezes, não suporta tanta intensidade, tanta vontade de viver.
E quem ai pode explicar qual é o verdadeiro sentido da vida, se é que ela tem sentido algum, quando sabemos que não se pode planejar nada pra amanhã, porque até mesmo o próximo segundo é incerto?
Precisamos viver com cuidado. Um piscar de olhos pode se tornar irreversível.
Até nossos vinte e poucos anos nos sentimos destemidos, imortais, donos de uma vida inteira para seguir. De repente, uma fatalidade acaba com o que, até então, parecia imperecível e nos faz concluir que, viver o agora é viver o amanhã .
Quando alguém morre jovem sempre temos a sensação de que aquela não era a hora certa, e tudo parece brutal. De fato, pra mim, nunca haverá a hora certa para a morte chegar. Ela é por excelência a certeza mais surpreendente de todo o sempre.
Não consigo me acostumar com perdas, nem quero.
Sentir saudades é muito mais interessante do que fazer planos.

domingo, 22 de março de 2009

Ave PJ Harvey

Polly Jean Harvey salva qualquer domingo vazio.

"Dress", pra mim, é daquelas músicas que a gente ouve durante toda a vida e não cansa, nunca!
Já a escuto desde a década passada.
Confesso que ela também faz parte da lista de músicas que eu cantarolo com frequência no chuveiro, e sonho um dia cantar em público, com direito à performance.
Na verdade, todo o disco "Dry" é perfeito.
PJ Harvey é perfeita e maravilhosa.

jejeje... besteiras sinceras.

sexta-feira, 20 de março de 2009

Contra o tempo

Hoje o dia foi muito movimentado, por isso o blog ficou em último plano.
Saí de casa às 7h para ir pro estágio; do estágio, fui direto pro emprego novo; do emprego novo, pra faculdade; da faculdade, pra casa, morta.
Ainda queria ir assistir à apresentação do Circo da China mas, infelizmente, estou sem companhia. Todos meus amigos viajaram pra assistir o bendito show do Radiohead. Legal, né?
É, o dia corrido foi bom pra que eu não lembrasse que perderia esse show, e que meu namorado ainda está longe de mim.
Inclusive, consegui não ficar tão revoltada, como é de costume, com os absurdos aos quais minha cidade vem sendo submetida.
Não tomei café. Almocei um salgado de camarão, enquanto caminhava ao ponto do ônibus.
Na volta do emprego novo, comprei uma coxinha de galinha, a qual também comi andando.
Na saída da faculdade, só me restou um hot dog com Coca Cola. Esse, comi sentada, no meio da rua.
Cheguei em casa e a única vontade verdadeira que tinha era de abraçar minha irmã de 8 anos. Ela já estava dormindo, então, lhe dei um beijo.
No fundo, gosto de dias assim.

------------

Ao fim da noite, esta foto do amigo Fabrício me fez sorrir.



P.S.: Não consigo fazer correções ao texto. Me desculpem por estar tão cansada.

quinta-feira, 19 de março de 2009

Dave Navarro still lives in my mind

Desde ontem não paro de pensar no Dave Navarro.
Isso se deve a descoberta que fiz, graças ao Twitter dele, de que o Jane's Addiction vai fazer um show hoje, às 1h30 am, no SXSW.
Ele posta a todo momento alguma informação sobre os preparativos do show, e eu estou ficando enlouquecida com isso.
Coloquei na minha cabeça que o Marcel (my boyfriend), que está em Austin participando do SXSW, tem que achar, de qualquer forma, o Dave Navarro por lá pra tirar fotos, pegar autógrafos e bater um papo, só pra eu ficar feliz.
Hoje de manhã, quando acordei, a primeira coisa que me veio à cabeça foi o clipe de "Aeroplane", do Red Hot Chili Peppers, da época em que o Dave fazia parte da banda.
Passei o dia todo com essa música na cabeça; ela e o próprio Dave Navarro.
Estou obcecada. Esse é o maior indício de que "uma vez fanática, sempre fanática".
Dave Navarro e Kirk Hammett eram meus maiores ídolos de adolescência anos 90 internacional. Scott Weiland chegou depois.
Eu era muito doente por esse homem. Me curei, eu acho. Achava até hoje.
Agora, vou dormir ao som de "Rexall", música do disco solo de Navarro, o qual tenho 2 CDs; um na versão vendável, e outro na versão importada, invendável, para distribuição nas rádios.
Doente, lembram? Eu era mesmo!

Boa noite, Dave! Me deixa dormir sem você agora, tá?

Teste de paciência mór

Eu sou viciada em Tetris, e em todos as variações de jogos onde um objeto cai e tem que ser encaixado, ou combinado, com algum outro para pontuar, mas... esse aqui não dá, não.
Não consegui esperar nem a primeira peça chegar ao chão. Não sou tão elevada espiritualmente pra adquirir tanta paciência. Prefiro jogar no meu celular, onde é mais rápido.
Mesmo que eu faça a peça cair mais rápido, não dá, Brasil!
Se alguém conseguir jogar isso por mais de 5 minutos, por favor, me informe.
Obrigada!

Dicas de como jogar:
1º - Clique no "START";
2º - Rotacione o objeto nas teclas de seta "para cima" e "para baixo" do seu teclado;
3º - Desloque as peças para as laterais usando as teclas de seta "lado esquerdo" e "lado direito";
4º - Acelere o cair do objeto nas teclas "enter" e "espaço".

Top 50 Motown


A
Motown, lendária gravadora de black music, fundada em Detroit a 12 de janeiro de 1959, completou 50 anos.
Para comemorar o aniversário à altura, a Universal Music, que hoje é dona do nome e do acervo do selo, lançou o box Motown 50 - Yesterday, today, forever, com 3 CDs, trazendo os cinquenta maiores hits da gravadora que revelou nomes consagrados da música negra e pop norteamericanas como Stevie Wonder, Michael Jackson, Marvin Gaye, Diana Ross e outros.
A seleção das melhores músicas da Motown foi escolhida pelos fãs da cinquentenária através de uma votação no site da gravadora. A ordem das músicas disposta nos discos é exatamente a mesma de sua colocação na votação. Logo, o sucesso "I Want You Back", do Jackson 5, foi a mais votada e, "Standing in the Shadows of Love", do The Four Tops, a menos votada entre as cinquenta que entraram na coletânea super poderosa.
Isso não é um exagero. Eu recomendo!
É de ouvir delirando de tanta qualidade que tem.
Sensacional!!

Abaixo, a ordem das músicas dispostas nos discos. Não dá nem pra escolher uma só como preferida:

CD1
1. I Want You Back - The Jackson 5
2. I'll Be There -
The Jackson 5
3. Bem - Michael Jackson
4. What's Going on - Marvin Gaye
5. Ain't no Sunshine - Michael Jackson
6. Abc - The Jackson 5
7. Do I Love You - Frank Wilson
8. I Heard It Through teh Grapevine - Marvin Gaye
9. One Day in Your Life - Michael Jackson
10. My Girl - The Temptations
11. This Old Heart of Mine - The Isley Brothers
12. Ain't No Moutain High Enough - Diana Ross
13. Reach Out, I'll Be There - The Four Tops
14. You Can't Hurry Love - The Supremes
15. Heaven Must Have Sent You - The Elgins
16. Let's Get It on - Marvin Gaye
17. The Tears of a Clown - Smokey Robinson & The Miracles

CD2
1. Papa Was a Rllin' Stone - The Temptations
2. What Becomes of the Brokenhearted - Jimmy Ruffin
3. Heatwave - Martha Reeves & The Vandellas
4. Needle in a Haystack - The Velvelettes
5. The Tracks of My Tears -
Smokey Robinson & The Miracles
6. Ain't Too Proud to Beg - The Temptations
7. Stop! In The Name of Love - The Supremes
8. Stoned Love - The Supremes
9. Baby Love - The Supremes
10. Dancing in The Street -
Martha Reeves & The Vandellas
11. Rockin' Robin - Michael Jackson
12. Nowhere to Run -
Martha Reeves & The Vandellas
13. Endless Love - Lionel Richie & Diana Ross
14. Twenty Five Miles - Edwin Starr
15. For Once in My Life - Stevie Wonder
16. Get Ready - The Temptations
17. Mercy Mercy Me - Marvin Gaye

CD3
1. Behind a Painted Smile - The Isley Brothers
2. Signed, Sealead, Delivered - Stevie Wonder
3. Easy - Commodores
4. Ain't Nothing Like the Real Thing - Marvin Gaye
5. War - Edwin Starr
6. It's a Shame - The Spinners
7. Just My Imagination - The Temptations
8. I'll Always Love You - The Detroit Spinners
9. You are Everything - Diana Ross &Marvin Gaye
10. I'm Still Waiting - Diana Ross
11. When You're Young and I Love - The Marvelettes
12. Going to a Go Go - The Miracles
13. Don't Leave Me This Way - Thelma Houston
14. Please Mr. Postman - The Marvelettes
15. Standing in The Shadows of Love - The Four Tops

La Pupuña no SXSW

A banda La Pupuña, de Belém, tocou ontem no festival norteamericano South By Southwest, em Austin, Texas.
Ainda não sei como o show repercutiu por lá, já que ainda não consegui falar com o produtor da banda que, por acaso, é meu namorado. Tenho certeza que eles devem ter feito um show maravilhoso, como sempre fazem.
A banda ainda toca na terceira noite do festival, nesta sexta, e depois voltam correndo para Belém.
Além do La Pupuña, outra banda paraense, Vinil Laranja, também está participando do SXSW. A Vinil toca no quarto dia, sábado.

Só pra constar, o South By Southwest é um dos maiores festivais de música do mundo, onde já se apresentaram grandes artistas como: Ryan Adams, Erykah Badu, Devendra Banhart, Beastie Boys, Beck, Ben Folds Five, Tony Bennett, The B-52's, The Black Crowes, Black Eyed Peas, Blur, The Bravery, David Byrne, Johnny Cash, Cat Power, George Clinton, Cypress Hill, The Donnas, Echo and the Bunnymen, Perry Farrell, Flaming Lips, Franz Ferdinand, Grandaddy, Hanson, Ben Harper, Ice Cube, Interpol, Jewel, Norah Jones, The Killers, Kinky, Kings of Leon, Little Richard, MGMT, Modest Mouse, Mogwai, Tom Morello, Morrissey, Nada Surf, NOFX, Paramore, Peaches, Carl Perkins, Katy Perry, Peter, Bjorn, and John, Iggy Pop, Public Enemy, Queens of the Stone Age, The Rapture, REM, Elliott Smith, Patti Smith, Sonic Youth, The Stooges, The Strokes, Sublime, Supergrass, System of a Down, Ike Turner, The Vines, Rufus Wainwright, Tom Waits, The White Stripes, Wilco, Yeah Yeah Yeahs, Yo La Tengo , Amy Winehouse, enfim, uma lista enorme.

Inclusive, no DVD desta última, I Told You I Was Trouble - Live in London, podemos assistir uma parte da apresentação da cantora no SXSW, nos extras.

Para acompanhar a programação, clique aqui.

quarta-feira, 18 de março de 2009

Os cúmplices dos assassinatos

Eu só consigo me enojar.
---------

Do blog Quinta Emenda:

Todos os Médicos do Falsário

Fiscalizar os atos do executivo, ao lado da elaboração de leis, é a mais importante função do legislativo. É claro que a degradação da atividade política, em todo o país, relegou a representação parlamentar, em grande medida, a mero apêndice do executivo.
A subserviência aos acordos políticos para formação de maiorias, não raro contra os interesses coletivos, tomou conta da ação dos edis brasileiros, que cumprem mandatos de costas para a população.
No caso da CPI da Saúde em Nova Déli, um acréscimo deixa mais revoltada ainda a sociedade: médicos que se elegeram vereadores conspiram contra a profissão, a categoria e a cidade ao envidarem esforços para impedir as investigações no setor de saúde da capital, absolutamente desmontado e com fortíssimos indícios de corrupção e inépcia adminsitrativa.
Em outras palavras, além de negarem a representação, e recusarem o cumprimento da missão, acabam por assinar embaixo da ação assassina da prefeitura na saúde.
Vamos conhecer esses nacionais, por ordem alfabética.

Abel Loureiro (DEM)
Em primeiro mandato - e espera-se que seja o último - seu lema é "Saúde e Meio Ambiente são os objetivos de nossa gestão". É presidente da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva, capítulo do Pará. Temente a Deus, embora não ao julgamento dos homens, é colaborador da Diretoria da Festa do Círio e membro, veja só quanta responsabilidade, do Núcleo de Responsabilidade Social da Unimed.
Dados para contato:
Fone-Fax: 4008-2219 PABSite:E-mail: cruzloureiro@hotmail.com

Carlos Vinagre (PTB)
Pessoa de temperamento afável e conciliador, já foi Presidente da Fundação Papa João XXIII - Fumpapa, Secretário Municipal de Saúde - SESMA, Superintendente do IAPAS (atual INSS), Vereador de Belém - (1993/1996), Presidente da LOTERPA, Presidente do IPAMB, Diretor dos Centros de Saúde: Pedreira e Tavares Bastos, Diretor do Posto de Higiene do Jurunas
Diretor do Serviço de Assistência Médica e Sanitária da capital (SAMS-SESPA) e Primeiro Assessor Especial de Saúde do Município de Belém.
Romântico, acha que reuniões entre a Comisão de Saúde da casa de Noca e a secretaria de Saúde resolvem o caos da saúde em Nova Déli. Tolinho...
Dados para contato:
Fone-Fax: 4008-2220. E-mail: antoniovinagre25@yahoo.com.br

Mário Corrêa ( PR)
Velho andarilho da política e pulador de partidos, Mário está no quarto mandato. Seu lema é "Um projeto de vida em favor do social, saúde e cidadania". Imagine se fosse contra, o que Mário não faria.
Dados para contato:
Fone-Fax: 4008-2256 PABE-mail: mariocorrea@cmb.pa.gov.br

Raimundo Castro (PTB)
Perambula pela casa de Noca desde 1994, e já trocou de partido, o PTB pelo PDT. Foi vice presidente da Comisão Técnica de Saúde e Meio Ambiente do legislativo mirím e hoje é o líder da bancada de Giovani Queiroz na casa.
Dados para contato:
Fone-fax: 3225-4749 * PABX 3242.5522 Ramal 209E-mail: drcastro@cmb.pa.gov.br

Wanderlan Quaresma ( PMDB)
Antes de se formar em Medicina foi professor de Física e Química em cursinhos. Elegeu-se pela primeira vez em 2000, e já no ano seguinte foi eleito Vereador Revelação. Trabalhou dois anos do PSM do Umarizal e cinco no Hospital de São Miguel do Guamá. Motivado pela assistência médica a pessoas carentes, tornou-se especialista em Ginecologia e Obstetrícia. Bisturí velocíssimo, consta que chega a realizar dezenas de laqueaduras aos sábados, num hospital de Benevides.
Dados para contato:
Fone-fax: 3242.8309 PABX 3242.5522 Ramal 206E-mail: wanderlanquaresma@cmb.pa.gov.br

----

Também não assinaram o pedido de instalação da CPI:

Rildo Pessoa (PDT); Tereza Coimbra (PDT); Sahid Xerfan (PP); Wandick Lima (PP); Nonato Filgueiras (PV), Orlando Reis (PV); Nehemias Valentim (PSDB); Paulo Queiroz (PSDB); Gervásio Morgado (PR) ; Wanderlan Quaresma (PMDB); Henrique Soares (PMDB); Walter Arbage (PTB); Pio Neto (PTB); Nadir Neves (PTB); Miguel Rodrigues (PRB).

Assinaram o pedido:
Raul Batista (PRB); Ademir Andrade (PSB) ; Marquinhos do PT; Alfredo Costa (PT); Amaury da APPD (PT); Adalberto Aguiar (PT); Otávio Prinheiro (PT); Augusto Pantoja (PPS); Cobrador Pregador (PPS); Bispo Antônio Rocha (PMDB); José Scaff Filho (PMDB); Vanessa Vasconcelos (PMDB); Carlos Augusto Barbosa (DEM); Fernando Dourado (DEM).

Então volta, Clô!

Não poderia perder a oportunidade de fazer minha homenagem póstuma ao estilista e deputado federal, sempre polêmico, Clodovil Hernandes (1937 - 2009).
Clô era uma personalidade ímpar no cenário brasileiro, em diversos âmbitos. Sua língua ferina fará falta.





Charge de Tiago Recchia, publicada hoje, no jornal Gazeta do Povo (PR).





terça-feira, 17 de março de 2009

"Só depois que a saudade se afastar de mim..."

Música para a quarta-feira.
Música para todos os dias.
Música para sorrir lembrando do namorado que está viajando.
Ai, saudade... Saudade de ouvir meu Marcel tocando Zé Kéti pra mim.

"Diz que fui por aí"
Se alguém perguntar por mim
Diz que fui por aí
Levando um violão debaixo do braço
Em qualquer esquina eu paro
Em qualquer botequim eu entro
E se houver motivo
É mais um samba que eu faço
Se quiserem saber se volto diga que sim

Mas só depois que a saudade se afastar de mim
Só depois que a saudade se afastar de mim

Tenho um violão p'ra me acompanhar
Tenho muitos amigos, eu sou popular
Tenho a madrugada como companheira
A saudade me doi, o meu peito me roi
Eu estou na cidade, eu estou na favela
Eu estou por aí
sempre pensando nela

-------------------

Estava pensando na versão da Nara Leão, mas não encontrei esse vídeo.

A saúde, em Belém, é um Serial Killer

Só em 2008, foram repassados R$232 milhões pelo Ministério da Saúde à Prefeitura de Belém. O resultado disso? Muito "orgulho" do nosso sistema público municipal de saúde.
Belém é vergonha nacional, mais uma vez.
O mais doloroso é ver, todos os dias, a mesma notícia; mortes e mais mortes nos pronto-socorros, em consequência ao descaso da Prefeitura com a Saúde.

Abaixo, charge de hoje de J. Bosco, no jornal O Liberal, faz referência à histórica imagem do hasteamento da bandeira norteamericana pelos marines no cume do Monte Suribachi após conquista do controle da ilha de Iwo Jima, na batalha de mesmo nome, durante a Guerra do Pacífico, na Segunda Guerra Mundial, onde os americanos perderam a vida de 6.812 homens em confronto com os japoneses.
Lá as muitas perdas pelo menos os rendeu a vitória heróica, já aqui, só nos resta a vergonha e a indignação.



Enquanto isso, os planos de construção de pontes continuam, e o dinheiro da saúde... Alguém aí pode dar uma dica de onde esse dinheiro está?
Como diria Copélia, pessoalmente, "prefiro não comemtar".

segunda-feira, 16 de março de 2009

Thriller, ou a volta dos mortos [muito] vivos



Charge de Amarildo para o jornal A Gazeta (ES), do dia 16/03/09.

Muito boa!

Para rir chorando

Vi hoje (16/03) na coluna do Guilherme Augusto, no Diário do Pará, e não pude conter meu riso, mesmo que infeliz.
Não resisti. Compartilho com vocês.



Clique na imagem para aumentar

Look

Uma das coisas mais legais e agoniantes, ao mesmo tempo, que já vi...
Quando você se sentir só, interaja com ele.
Isso me lembra o caso daquele homem que tinha o corpo todo paralisado e só mexia os olhos, por isso, se comunicava através deles. Isso também era agoniante de se ver, mas não legal.


Saudade dá fome

Já dizia Clarice Lispector, "Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença".
No meu caso, a saudade que sinto do meu namorado está me fazendo comer muito, não a presença dele, que ainda está viajando, mas tudo o que vejo pela frente.
Estou compulsiva. Aqueles quatro quilos que eu havia perdido até o Carnaval devem ter sido multiplicados por dois.
Estou apavorada; ele só volta daqui seis dias. Espero que isso não signifique um quilo ao dia.
Por favor, me mandem receitas milagrosas, pouco mirabolantes, para emagrecimento à jato.
Tenho os tais seis dias para perder parte do meu excesso de peso.

quinta-feira, 12 de março de 2009

Eu quero esse cerimonial pra mim

Senhor, como isso pôde acontecer?
Realmente, nunca havia reparado que o príncipe Charles é tão parecido com o Hugo Chávez. Se não fosse o cerimonial da presidência, jamais teria notado que Charles tem traços de latinidade estampada em sua cara.
É isso aê, Brasil!!! Arrasa, colega!!!



Do G1:

Planalto troca nome de príncipe Charles por "Chaves"

Da Agência Estado

A assessoria do Palácio do Planalto errou o nome do príncipe Charles em agenda divulgada hoje pela Presidência. Em lugar de Charles Philipe Arthur George Mountbatten-Windsor, o correto, o texto continha o nome Charles Philip Arthur "Chaves". Acompanhado da mulher, a duquesa de Cornualha, Camilla Parker Bowles, o herdeiro do trono britânico se encontrou hoje com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Brasília.

O casal chegou 25 minutos atrasado para o encontro. O príncipe e a duquesa subiram a rampa do Planalto. No entanto, o presidente e a primeira-dama, Marisa Letícia, não esperaram os visitantes na parte de cima da rampa, no segundo andar do palácio, como costumam fazer em visitas especiais. Assessores do governo negaram que houve uma gafe do cerimonial do Planalto. Segundo eles, o presidente só desce o terceiro andar nas visitas de chefes de governo e de Estado. Eles ainda disseram que a subida de Charles e Camilla pela rampa foi uma cortesia do Planalto.

quarta-feira, 11 de março de 2009